Notícia

Pernambuco prev arena pronta em 30 meses

Por Marcelo Robalinho, especial para o GLOBOESPORTE.COM
Recife

Com um projeto ambicioso, Pernambuco se prepara para ser uma das sedes dos jogos da Copa do Mundo de 2014. Até o fim deste mês, as obras do novo estádio de futebol serão iniciadas, promete o Governo do Estado. Situada em São Lourenço da Mata, município da região metropolitana que fica a 18 quilômetros do Recife, a Arena Pernambuco terá capacidade para receber 46.154 espectadores. O projeto é fruto de uma parceria público-privada com uma empreiteira.

Serão investidos R$ 464 milhões na construção do equipamento. A previsão é que a Arena Pernambuco fique pronta um prazo de 30 meses, provavelmente em janeiro de 2013.

- A ideia é que sejamos alternativa para os jogos da Copa das Confederações, que ocorrerão um ano antes da Copa do Mundo, ainda em 2013. Para nós, isso funcionará como um teste para avaliar o funcionamento do estádio - afirma Ricardo Leitão, secretário da Casa Civil e coordenador do Comitê Pernambuco na Copa do Mundo.

As obras tiveram 45 dias de atraso no seu início, devido às modificações sugeridas pelo Ministério Público da União no edital de licitação. O consórcio tem um prazo de 30 anos. Depois desse período, o estádio é incorporado ao patrimônio do Estado, que pode lançar nova licitação.

Além da arena, o projeto “Cidade da Copa” inclui a construção de um conjunto habitacional com 9 mil residências, centro comercial e hotéis em São Lourenço da Mata, todos interligados ao Terminal Integrado de Passageiros (porta de entrada e saída para o transporte rodoviário interestadual) e a uma nova estação de metrô que será construída a cerca de um quilômetro do novo estádio.

- Todo o projeto da Copa foi pensado de forma a expandir a urbanização para a área oeste do Grande Recife, promovendo um novo impulso para o crescimento socioeconômico da região - explica Ricardo. A BR-408, rodovia federal que fica às margens do complexo, bem como as BRs 101 e 232, também estão sendo duplicadas a fim de facilitar o acesso.

Aeroporto do Recife na contramão das preocupações

Em relação à infraestrutura aeroportuária, Pernambuco parece levar vantagem. Ao contrário de outras cidades, o Estado ainda tem capacidade de expansão da demanda por passageiros. Em 2009, a movimentação do Aeroporto Internacional do Recife/Guararapes foi de 5,2 milhões de pessoas.

- Pelo menos, um terço das 24 horas diárias de funcionamento do aeroporto ainda se encontra ocioso, sobretudo em alguns horários da manhã, noite e madrugada. A ideia é ocupar esses horários com novos voos. Também pretendemos ampliar a demanda nas horas de pico, podendo passar de 2 mil passageiros atualmente para até 4.600 - revelou Fernando Nicácio, superintendente regional da Infraero.

Para isso, desde novembro de 2008, o aeroporto passa por uma ampliação dos fingers, as chamadas pontes de embarque. Até o fim deste ano, o número de passarelas passará de sete para 11, a fim de garantir maior agilidade e conforto na chegada e saída de passageiros, inclusive nos momentos de maior movimentação. Outras obras complementares serão realizadas: recapeamento das pistas (começa este ano), além da ampliação do pátio das aeronaves e da construção de nova torre de controle (ambas no início de 2011). O investimento total é de mais R$ 60 milhões.

- A capacidade prevista do aeroporto é de receber cerca de 11 milhões de passageiros por ano. No período da Copa do Mundo, devemos estar operando com aproximadamente 7 milhões - estimou Nicácio.

Rede hoteleira vai ser ampliada

No quesito hospedagem, a rede atual precisará ser ampliada para dar conta da demanda durante a Copa. Atualmente, existem 962 hotéis e pousadas, em um total de 62,7 mil leitos. Desse total, 503 equipamentos funcionam na região metropolitana, representando 37 mil leitos.

- Hoje, a capacidade hoteleira do Estado é suficiente para a nossa demanda. Mas estamos prevendo um incremento de mais 14 mil leitos no Estado, sendo cerca de 6 mil só no Grande Recife, com a construção de novos hotéis - disse Gilberto Pimentel, presidente da Empresa de Turismo de Pernambuco (Empetur), órgão ligado ao Governo do Estado.

Os hotéis que serão construídos – existem sete projetos em análise – levam em conta a característica turística das regiões. O Grande Recife concentrará os novos equipamentos voltados para o turismo de eventos, enquanto que os municípios do litoral sul, a exemplo de Ipojuca, Barreiros e Tamandaré, a construção de resorts, consolidando o turismo de lazer.

Para dar impulso à captação de novos turistas que viajam em transatlânticos, um novo terminal marítimo está em processo de licitação em parceria com o Porto do Recife para ser construído.

- Atualmente, Pernambuco recebe 43 mil passageiros por temporada de cruzeiros, que vai de novembro a maio. Com o novo terminal, devemos aumentar para 200 mil pessoas por temporada. É um filão que pretendemos explorar mais pelo fato de o turista de cruzeiro ser diferenciado, por gastar acima de média dos demais - afirmou Pimentel.

Apesar de os projetos já estarem em fase de realização, uma questão ainda permanece no ar: Qual o legado turístico que Pernambuco irá aproveitar, de fato, com a Copa do Mundo? Hoje, 4 milhões de pessoas visitam o Estado todos os anos, sendo 10% delas formadas pelo público estrangeiro.

- Estima-se que cada cidade-sede da Copa receberá em torno de 40 mil turistas - calculou Ricardo Leitão, coordenador do Comitê Pernambuco na Copa. Pós-jogos, ainda não há estimativa concreta de quanto será o crescimento.

Um seminário técnico reunindo cidades-sede da Copa, sobretudo do Nordeste, representantes do Governo Federal, do setor hoteleiro e dos turistas pernambucanos que foram à África do Sul para assistir à Copa será realizado entre os dias 16 e 19 de agosto, no Recife. O objetivo é discutir os erros e acertos do país africano.

- Baseados nessa experiência recente, queremos debater o que pode ser feito aqui para oferecer um serviço de melhor qualidade, tendo em vista a nossa realidade local - disse Pimentel.


Publicado em 14/07/2010 por Globo.com

lista de notcias



Pgina Inicial

Praa Dr. Arajo Sobrinho - Centro - CEP 54.735-565 | Fone: 81-3525.9437 | e-mail: prefeitura@slm.pe.gov.br